27 de fevereiro de 2009

Andando em círculos

Tem algo mais estressante do que andar em círculos?
Tem algo mais desestressante do que andar em círculos?
Depende onde quer chegar.
Depende de onde quer sair.
Tem algo que depende.
Depende de algo.

22 de fevereiro de 2009

Mãe do Popeye

Agracimento especial ao amigo Jota, de além-mar, por esse email tão... tão... como direi... instrutivo!! rs.

20 de fevereiro de 2009

Orkut, por Edir Macedo

19 de fevereiro de 2009

Orkut, por Caetano Veloso

Caetano, na déc. de 70, entrando no 3 mês de gestação! ahahahahah

18 de fevereiro de 2009

Orkut, por Gilberto Gil

"Uma pessoa que procura ser refletida pelo profile que tem no orkut age paradoxalmente, uma vez que não se pode afirmar o que ela de fato é, sem que ela possa ser diante de nossos olhos, sendo assim impossível conhecê-la sem vê-la, e entrando num problema de choque cultural muito complexo e profundo aos olhos da gente, que pode ver muito pouco." Gilberto Gil

17 de fevereiro de 2009

Este blog me faz sorrir!

Eu ganhei mais dois selinhos. Não por este blog aqui, pelo outro, o "um certo universo". Mas tomei a liberdade de responder as questões que vem com ele, por aqui. Nem vem me chamar de antiética, afinal, eu posso passar os selinhos para o blog que eu quiser, e eu quis "me auto-presentear"! :) Além disso, o blog é uma ferramenta de autorrealização, de culto ao ego, de "faça você mesmo", para dissipar o estresse, ou qualquer coisa que se queira (desde que nos/me faça feliz!) :)

O Instável Mundo da Juh

"Esse selo tem a intenção de presentear os blogs que nos fazem sorrir e ajudam com que o dia da gente fique mais leve. Seja com piadas, com textos que nos emocionam, com imagens, com poesias, com histórias... É a maneira de dizer a eles que fazem a diferença pra nós. =) " Regras:

1. Ao receber o selo, listar 7 coisas que te fazem sorrir. • Torpedos indecentes, ops, digo, torpedos carinhosos. • Carinho de Hunter e Preta. • Floração e Frutificação. • Carta ou telefonema de amigos. • Vinho tinto e pizza no inverno. • Cerveja gelada no verão. • Banho de mar. A dois eu sorrio muito mais!

2. Indicar o selo a 7 blogs que fazem você sorrir. Dando a Bunda pra Bater. Sexo na Ponta da Língua. Degusta!Cesto de Lixo.Amarelinha.Confissões de Afrodite.Faça uma lista dos sonhos que tinha...

3. Informar aos blogs indicados que eles receberam o selo. • ALÔ PESSOAS, VOCÊS RECEBERAM UM SELO!!!!!


6 Coisas, 6 Links

Também recebi da Juh. Tem que dizer 6 coisas aleatórias sobre si próprio e passar para 6 blogs.

• Prefiro berinjela à parmegiana do que uma picanha. • Raspei a mão na parede do canil e estou com um machucado nada sexy. • Não vivo sem tomate. • Sou tímida quando distraída. • Só gosto de suco verde se a couve for da minha horta. • Tenho saudade de algo que ainda não tenho, minha banheira de hidromassagem.

Os blogs:

Jhuly Sumida JhonsOusando Olhar para Dentro...Elas Elesam.pho.sTrês Mentes PerigosasFaça uma lista dos sonhos que tinha...

16 de fevereiro de 2009

O Amor Livre

Este texto, escrito em Paris por Bakunin em 29 de março de 1845, é um dos que mais gosto quando o assunto é amor. A difícil arte do desapego do ser amado, a busca pela liberdade desse amor, e a descoberta que quando mais se liberta, mais "se aprisiona".

..."Sou eu mesmo, como antes, inimigo declarado da realidade existente, apenas com uma diferença: cessei de ser teórico, venci enfim a metafísica e a filosofia e entreguei-me inteiramente com toda a minha alma ao mundo prático, ao mundo dos fatos reais. Creia-me amigo, a vida é bela, agora tenho pleno direito de dizer-lhe isto, porque cessei há muito de enxergá-la através das construções teóricas e não conhecê-la mais que em fantasia, porque experimentei, efetivamente, muitas de suas amarguras; já sofri muito e caí no desespero.

Eu amo Pablo, amo apaixonadamente. Não sei se posso ser amado como quisera sê-lo, mas não desespero, sei ao menos que ela tem muita simpatia por mim - devo e quero merecer o amor daquela a quem amo, amando-a religiosamente. Ela encontra-se submetida à mais terrível e à mais infame escravidão e devo libertá-la combatendo seus opressores, acendendo em seu coração o sentimento de sua própria dignidade - suscitando-lhe o amor e a necessidade de ser libre - os instintos de rebeldia e de independência, devolvendo-lhe o sentido de sua força e de seus direitos.

Amar é querer a liberdade, a completa independência do outro. O primeiro ato do verdadeiro amor é a emancipação completa do objeto que se ama. Não se pode amar verdadeiramente mais que a um ser perfeitamente livre e independente, não apenas de todos os demais, senão e sobretudo daquele a quem se ama e é amado.

Eis ai minha profissão de fé política, social e religiosa. Eis o sentido íntimo, não apenas dos meus atos e de minhas tendências políticas, senão também, na medida do possível, o da minha existência particular e individual, porque o tempo em que podiam ser separados esses dois gêneros de ação está muito distante de nós. Agora, o homem quer a liberdade em todas as acepções e em todas as aplicações desta palavra, ou bem não a quer de nenhuma maneira. Querer ao amar a dependência daquele a quem se ama é amar uma coisa e não um ser humano, porque não se distingue o ser humano de uma coisa mais que pela liberdde e, se o amor implicasse também na dependência, seria a coisa mais perigosa e a mais infame do mundo, porque seria então uma fonte inesgotável de escravidão e de embrutecimento para a humanidade. Tudo que emancipa os homens, tudo que ao fazê-los voltar a si mesmos, suscita-lhes o princípio de sua própria vida, de sua atividade original e realmente independente, tudo que lhes dá força para serem eles mesmos é verdadeiro, todo o resto é falso, liberticida, absurdo. Emancipar o homem, eis aí a única influência legítima e benéfica.

Abaixo todos os dogmas e filosofias - não são mais que mentiras - a verdade não é uma teoria senão um fato. A vida mesma é a comunidade de homens livres, independentes. É a santa unidade do amor que brota das profundezas misteriosas e infinitas da liberdade individual."

14 de fevereiro de 2009

Combinação Tentadora

Dá pra não ficar com água na boca?
Isso é coisa da fogosa Afrodite, que parece que agora "voltou" pra valer com o seu blog. Os leitores assíduos agradecem. O que eu gosto no blog dela é a espontaneidade e simplicidade com que escreve. É bonito isso, além de divertido.
Obrigada por mais esse selinho delicioso.
Ela pede para repassar "aos blogs que acham uma combinação tentadora de humor, amor, sensualidade e principalmente amizade! Ele foi criado especialmente para cada um de vocês que conseguem falar sobre tudo e mais um pouco em cada blogue! Repassem ao critério de cada um mas, por favor, não modifiquem o mesmo!"
Bom, acho que muitos já receberam da própria Afrodite, mas repasso para:

13 de fevereiro de 2009

Meme

Recebi esse Meme da Carol faz um tempão. Mas como eu sou sem-vergonha, acabei esquecendo de responder. Agora quero colocar em dia minhas dívidas com o povo que gosto. Tem um outro meme que o Olavo me passou, mas... aonde está o meme Olavo? Aff...
Nome: Paula
Idade: 40
Local de Nascimento: Santos – SP (na verdade não nasci em Santos, mas me considero santista, já que a família toda é de lá... eu tb!)
Peso: diminuindo.
Altura: 1,68 (sem salto).
Apelido: Loira (para os fanzineiros), atualmente mais conhecida como .
Qual é a sua maior qualidade? Rir.
Qual é o seu maior defeito? Falar sem pensar quando estou muito emotiva.
Qual é sua cor preferida? Depende. Meu lado punk diz que é o preto.
Qual é a idéia de felicidade? Rir todos os dias.
O que seria a maior tragédia? Já aconteceu(ram). Perder pessoas/seres imperdíveis.
Quem você gostaria de ser se não fosse você mesmo? Um homem.
Onde gostaria de viver? Onde vivo.
O que te faz feliz instantaneamente? Surpresas simples, como um sorriso, um telefonema, um torpedo, uma carta de alguém que consegue me arrancar um sorriso.
Bandas preferidas: Vixe, um monte. Tirando os pagodes, os sertanojos, funks... gosto de quase tudo. De MPB a punk rock, erudito, clássicos... Mas pra citar alguns que não vivo sem: The Cure, Siouxsie and the Banshess, The Smiths, The Clash, Titãs, Barão Vermelho, Ira!, Paralamas... e por ai vai...
Escritor favorito: Não tenho UM favorito, mas adoro Mário Prata (que não é meu primo!!!)
Desenho animado favorito: Adorava Safiiiiiiiiire!!! Ahahaha (A princesa e o cavaleiro).
Personagem de ficção: Gil Grissom (CSI).
Dons que gostaria de ter: Da cura.
Um prato que sabe fazer: Risoto de champignon ao vinho branco.
Uma comida que gosta: Pizza.
Uma atividade física: Sexo.
Um esporte: Surf.
Ocupação favorita? Jardinagem enquanto jogo bola com o Hunter.
Gasta mais dinheiro com: Queijos, frutas, legumes, verduras e carne. E ração pros bichos.
Invenção tecnológica: Internet.
Se pudesse salvar apenas um objeto de um incêndio, qual seria? O computador.
Qual o amor da sua vida? Todos os amores que tenho.
Um animal de estimação: Um só é impossível. Mas cães são minha maior paixão.
Pensa em ter filhos? Já pensei muito e concluí que não sei.
Qual sua viagem preferida? A que me leva a pessoas incríveis.
Tem medo da morte? Não.
Qual defeito é mais fácil de perdoar? Aquele que não se compara a uma qualidade.
Qual é o lema de sua vida? Cabeça nas nuvens, pés no chão.
Onde e quando foi mais feliz? Na infância, quando não sabia o que era ser feliz.
Uma saudade: Do meu companheiro 'Poeta dos Paradoxos'.
Uma inabilidade: Desenhar.
Primeiro beijo: Delicioso, maravilhoso, incrível e completamente desencontrado! No escurinho do cinema Iporanga 2!
Uma mania: De falar “tá” em público. É horrrrrrrrrrível!!

12 de fevereiro de 2009

O Direito da Sexualidade.

Ontem tive um longo e tranquilo papo com o meu velho amigo fanzineiro Cientista. Foi ótimo ver que muita coisa mudou, mas a essência permanece. Tai uma página do zine dele, Cena Hardcore número 6, aquele mesmo que falei aqui.

11 de fevereiro de 2009

Sexo na Ponta da Língua

Se tem uma coisa boa nessa vida, é sexo na ponta da língua. Ou língua na ponta do sexo. Ou ponta do sexo na língua. A ordem dos fatores pode até mudar as sensações, mas não o prazer. E o prazer de ler, se informar e principalmente se divertir é realizado quando leio o blog da Carolina Diniz. Ela, com sua língua afiada, sem papas na língua e língua pronta pra fazer, digo, dizer o que pensa, presenteou este singelo blog que mal sabia que era tão querido assim. Eu, uma dos três sem-vergonhas que publicam aqui (ou deveriam/poderiam), agradeço o selo tão gostoso, interessante, bonito, excitante! Uau. E este é só meu, sem repasse! :)

Lopes Flutuando III

10 de fevereiro de 2009

9 de fevereiro de 2009

8 de fevereiro de 2009

7 de fevereiro de 2009

6 de fevereiro de 2009

Lopes Meditando - Primeira fase.

Meia Amazônia Não!

Eu já assinei...

video

5 de fevereiro de 2009

Conhecimento e Ignorância

Há quem busque o saber por si mesmo, conhecer por conhecer: é uma indigna curiosidade.

Há quem busque o saber só para exibir-se: é uma indigna vaidade. Estes não escapam à mordaz sátira que diz: "Teu saber nada é, se não há outro que saiba que sabes".

Há quem busque o saber para vendê-lo, por dinheiro ou por honras: é um indigno tráfico.

Mas há quem busque o saber para edificar, e isto é amor.

E há quem busque o saber para se edificar, e isto é prudência.

(Sermão sobre o conhecimento e a ignorância, São Bernardo de Claraval, 1090-1153).

Pokeando Lopes IV

1 de fevereiro de 2009

Diferença da amizade da mulher e do homem

Amizade de mulher

Certa noite uma mulher não voltou para casa.
No dia seguinte, ela disse ao marido que tinha dormido na casa de uma amiga.
O homem telefonou para 10 melhores amigas da mulher.

Nenhuma sabia de nada.
Amizade de homem

Certa noite um homem não voltou para casa.
No dia seguinte, ele disse à esposa que tinha dormido na casa de um amigo.
A mulher telefonou para 10 melhores amigos do marido.

Oito deles confirmaram que ele tinha passado a noite na casa deles e dois disseram que ele ainda estava lá!